quarta-feira, 6 de julho de 2011

Distintivos Paulistas IX

Recebi algumas mensagens de leitores solicitando mais imagens dos famigerados distintivos paulistas fabricados durante a revolução. Infelizmente o "estoque" é limitado e creio já ter apresentado todos que estão no meu acervo ao longo da trajetória deste blog. Conheço alguns outros colecionadores destes mimos e quem sabe futuramente eu os convenço a colaborar com suas peças...Por enquanto apresento mais algumas imagens, organizadas por tema. Espero que satisfaçam aos amigos solicitantes.

Inicio com uma série que reforça o sentimento patriota do movimento constitucionalista, sempre trazendo a bandeira brasileira ao lado da paulista.

Photobucket

Photobucket

Uma pequena série com os brasões paulistas com destaque para o distintivo que se originou da famosa foto da bandeira "São Paulo Invicto"

Photobucket

Photobucket

Photobucket

Alguns distintivos comemorativos dos Batalhões Marcílio Franco (Cohesão e Disciplina), Bahia (os tatús do Túnel), 14 de Julho, M.M.D.C., Liga de Defesa Paulista e 2o Divisão em Operações.

Photobucket

Célebres frases da época, destaque para o simpático distintivo Morte aos Derrotistas.

Photobucket

Para finalizar o símbolo que representava um parente no front e uma ilustração veiculada em 1957.

Photobucket

Photobucket

4 comentários:

  1. Carlos Vasconcelos7 de julho de 2011 02:18

    Ótima postagem, Ricardo!

    Agora, convenhamos:

    É possível ver essas relíquias sem "tremer o peito por dentro"???

    Eu não consigo.

    Estamos vivos!

    Saudações Paulistas!!!

    Carlos Vasconcelos.

    ResponderExcluir
  2. Carlos,
    Realmente algumas destas peças são de arrepiar - Fragmentos de um nobre passado paulista.

    Abraço,

    ResponderExcluir
  3. Carlos Vasconcelos7 de julho de 2011 19:54

    Nobre, mesmo, Ricardo! No sentido mais profundo desta palavra, incluindo a nobreza de abrir mão de bens materiais, conforto, higidez física e até da própria vida, para lutar por um ideal que foi de todo nosso estado!

    Abraços!

    ResponderExcluir
  4. Roberto Bistulfi9 de julho de 2011 19:05

    Meu avô Dante Pulitti, falecido, italiano ajudou na na revolução de 32 e tambem na 2 Guerra.
    Minha mae, Natalina Pulitti Bistulfi, hoje com 85 anos , era menina e ajudava na confecção da rede dos capacetes.
    Roberto Bistulfi

    ResponderExcluir