sábado, 28 de julho de 2012

Medalha da Batalha Naval do Riachuelo

Trago hoje uma importante medalha militar da Guerra do Paraguai, que nos remete a um dos mais belos episódios de nossa história: A Batalha Naval do Riachuelo.

Medalha criada em 18 de Novembro de 1865, sob o decreto nº 3529, pelo qual o Imperador Dom Pedro II a concede aos oficiais e praças da Armada Nacional, como prova de consideração, pelo valor e denodo revelados naquela que foi a maior batalha naval já travada até o momento: A Batalha Naval do Riachuelo.

Todas as praças da Armada e classes anexas que fizeram parte da esquadra em operações no Combate de Riachuelo, nas águas do Rio Paraná contra a República do Paraguai, receberam a medalha. Sua fita é branca com duas listas verdes laterais da largura de 6 mm, ficando a orla igualmente branca, com 2 mm de largura.Os oficiais generais receberam a medalha para uso no pescoço, com 37 mm, em ouro. Os oficiais superiores a receberam no mesmo metal. Os subalternos e praças de marinha a receberam em prata. O Corpo de Imperiais Marinheiros e Batalhão Naval receberam em bronze. Todas as medalhas, exceto as de oficial General, medem 25 mm.

O decreto de nº 3548 de 29 de novembro de 1865, referendado pelo Ministro da Guerra, Ângelo Muniz da Silva Ferraz, Barão de Uruguayana, fez extensivas aos oficiais e praças de pret do Exército que tomaram parte no Combate Naval de Riachuelo as disposições so Decreto nº 3529, do mesmo mês.

A medalha traz no anverso a inscrição: “Petrus II D. G. Const. Imp. Et Perp. Brás. Def. 1865”. No campo a efígie do Imperador á esquerda, entre dois ramos, um de fumo e outro de café. No reverso: “Combate Naval do Riachuelo”. No campo, entre um ramo de carvalho e um de palma, uma âncora e uma peça de artilharia (canhão) em cruz. Sobre elas e ao centro, um escudete com a inscrição “11 de junho de 1865”. Sobre a medalha há uma coroa Imperial, articulada e encimada por uma argola para a fita.

Photobucket

Photobucket

Photobucket

Photobucket

Nenhum comentário:

Postar um comentário