sexta-feira, 10 de outubro de 2014

José Eugênio de Rezende Barbosa - Batalhão 14 de Julho

Apresento hoje um belíssimo lote que foi confiado aos meus cuidados pela Sra. Martha Rezende Barbosa - peças que pertenceram ao seu pai Sr. José Eugênio de Rezende Barbosa, voluntário do Batalhão 14 de Julho durante a Revolução de 1932. Agradeço imensamente a Sra. Martha pelas peças e compartilho um pouco desta história com os leitores do blog, que certamente irão vibrar assim como eu!
José Eugênio de Rezende Barbosa nasceu em 20 de novembro de 1912, na cidade de São Simão, Estado de São Paulo e faleceu aos 91 anos, na capital paulista. Foi mé­dico otorrinolarin­gologista, diplo­mado pela Faculdade de Medicina da Univer­sidade de São Paulo, em 6 de janeiro de 1936. Desde formado, trabalhou gratuitamente na Santa Casa de Misericórdia de São Paulo dentro de sua especialidade, sendo nomeado Chefe de Clínica. Cerca de 50 anos mais tarde, se aposentou como Professor da Faculdade de Ciências Médicas, tendo sido um dos seus mais entusiasmados membros e trabalhado com afinco para sua fundação. Recebeu diversos prêmios em reconhecimento de sua atuação profissional tais como o Prêmio Honório Líbero (1944) e Mário Ottoni de Rezende (1947). Ele foi casado com Lia Junqueira Netto de Rezende Barbosa, falecida em 1993, com quem teve cinco filhos (Ricardo, Tereza, Martha, Mara e Henrique) ao longo de mais de 50 anos de uma vida feliz.
Abaixo vemos cartas e postais de José Eugênio para a sua futura esposa Lia Junqueira Netto de Rezende. O Batalhão 14 de Julho atuou na Frente Sul em Buri, Faxina, Capão Bonito, Rio das Almas, Itapetininga e outras localidades da região que faz fronteira com o Paraná.

 photo DSC04352_zpsa8de3bfc.jpg

 photo DSC04348_zpsda9f9f28.jpg

 photo DSC04349_zpsc8016818.jpg

 photo DSC04350_zpscfeda667.jpg

 photo DSC04346_zpsa6e9e1f0.jpg

Na imagem a seguir vemos um par de bibicos usado por José Eugênio e pela Sra. Lia Junqueira em 1932. É interessante notar o nome 14 de Julho no bibico caqui, e as bandeiras cruzadas no bibico azul.

 photo DSC04327_zpsb49562b5.jpg

 photo DSC04329_zpsa959eca7.jpg

 photo DSC04332_zpsed44e1cc.jpg

 photo DSC04333_zpsce115d0b.jpg

Uma das peças que compõe o lote é a figurinha número 99 do Album Paulista.

 photo DSC04357_zps95d5b378.jpg

 photo DSC04362_zps1deddd16.jpg

O capacete de aço é um dos itens mais interessantes, pois sua pintura está 100% conservada e o capacete foi mantido em local adequado durante 82 anos - resultando em uma peça com aparência de recém fabricada.

 photo DSC04359_zps7bb48fa9.jpg

Nas imagens a seguir vemos as contribuições do Sr. José Eugênio, ao Partido Constitucionalista de Armando de Salles Oliveira.

 photo DSC04335_zpsc3f9225b.jpg

 photo DSC04338_zps92e6b491.jpg

 photo DSC04343_zps07d9bfdd.jpg

Um pelotão do Batalhão 14 de Julho em 1932. A direita na segunda fileira de baixo para cima, o jovem Clineu Braga de Magalhães.

 photo IMG_2726_zps414ff978.jpg

Sr. José Eugênio de Rezende Barbosa e Sra. Lia Junqueira Netto de Rezende Barbosa.

 photo IMG_2726a_zps3a57ab12.jpg

Um comentário:

  1. Bom dia Ricardo. È sò reliquia,parabens e continue com essas AULAS porque agente não se cansa de ver.
    VIVA SÂO PAULO Gonçalo

    ResponderExcluir